Casos de dengue sobem e Prefeitura faz alerta


Publicado em 1 de maio de 2020
Eliane e Olívia, do setor de Vigilâncias, reforçam a importância dos cuidados de prevenção (Foto: Divulgação)

Eliane e Olívia, do setor de Vigilâncias, reforçam a importância dos cuidados de prevenção (Foto: Divulgação)

Por causa da pandemia de covid-19, a Prefeitura alerta sobre um problema que parece secundário no debate público: o aumento de casos de dengue em todo o país.

O alerta é feito pela diretora da Vigilância Sanitária e Epidemiológica, Eliane Raetano, e pela servidora pública do setor, Olívia Baialuna.

“Precisamos nos atentar que outras doenças continuam acometendo pessoas e, nesta época, os casos de dengue tendem a subir”, informam.

“É preciso ter cuidado com a proliferação do Aedes aegypti, o mosquito transmissor da doença. Há epidemia de dengue em diversas regiões e desde que um novo sorotipo da doença voltou a circular (tipo 2), o número de infectados cresce rápido”, relatam.

Historicamente, o pico da dengue costuma acontecer entre abril e maio. De acordo com elas, Iracemápolis registra 30 casos confirmados de 1 de janeiro a 30 de abril de 2020.

As profissionais frisam que a prevenção e o combate à doença são um desafio coletivo, que requer esforços da Prefeitura e da população, em conjunto. “O mosquito coloca os ovos em água parada limpa. Por isso, evite acúmulo de água em vasinhos de plantas e garrafas, limpe caixas d’água e mantenha terrenos em ordem”.