Gestão Zuza amplia cursos de qualificação profissional para jovens


Publicado em 20 de julho de 2018
Stanlei: "Vamos gerar 600 vagas ao longo do ano" (Foto: Assessoria de Imprensa da PMI)

Stanlei: “Vamos gerar 600 vagas ao longo do ano” (Foto: Assessoria de Imprensa da PMI)

As empresas exigem profissionais cada vez mais qualificados no mercado de trabalho. Daí a importância de estudar e estar bem preparado na busca por um emprego.

O coordenador do PAT, Stanlei Neves, fala sobre esse assunto na entrevista a seguir. Ele destacou que a Prefeitura tem feito um trabalho importante nesta área, abrindo uma série de cursos gratuitos. “Vamos gerar 600 vagas este ano”, disse.

O PAT ampliou o investimento em cursos. Fale sobre isso.

É uma iniciativa importante. O PAT não deve ser apenas um departamento que recebe currículos, mas um facilitador para a pessoa que precisa de trabalho, ajudando ela a se qualificar para ter mais chances.

O foco são os jovens?

Sim, são os jovens em busca do primeiro emprego, embora também haja oportunidade para outras faixas-etárias. Para ter os cursos, o prefeito Fábio Zuza fecha parcerias com empresas, sindicatos e Governo do Estado. Vamos gerar 600 vagas este ano.

À frente do PAT, como analisa o mercado?

A Folha de SP trouxe uma matéria nesta semana mostrando que as contratações têm desacelerado no país. O mercado está ainda mais difícil. Por isso que, neste momento de crise, é muito positivo o fato de Iracemápolis investir em qualificação.

Você percebe resultados?

Sim. Em grande parte, quem faz um curso amplia as chances de emprego ou adquire confiança para abrir seu próprio negócio.

Que outros serviços o PAT oferece?

São vários. As pessoas vão ao setor fazer entrevistas, cadastro para vagas de emprego e emissão de carteira de trabalho, entre outros.

a-tabela-pat-597