Inspiração de Natal


Publicado em 14 de dezembro de 2018

Primeira tentativa – disse a bela moça loira sorrindo para mim. Em suas mãos um pequeno potinho plástico com umas coisinhas brancas dentro. Eu olhei e fiquei meio em dúvida – As balas de coco! – disse ela sorrindo – Vocês serão minhas cobaias – acrescentou.

Eu peguei o potinho e abri, vi as ditas balas de coco e devo confessar, fiquei meio receosa de experimentar…elas estavam muito feias e disformes… descobri a seguir que eram muito doces.

Mas essa foi a primeira tentativa. Depois dessa vieram outras tantas, duras demais, mole demais, vezes muito doces, vezes sem sabor, mas a moça sempre sorrindo trazia orgulhosa os potinhos para que suas colegas de trabalho degustassem e opinassem. Tudo começou de uma vontade de comer bala de coco, depois da curiosidade de saber como se fazia, depois veio a insistência, a perseverança, o aprendizado e por fim, a realização e sempre com um sorriso no rosto.

A gente se aproxima do Natal, final de ano, expectativa do inicio de outro ano e ficamos naquela de buscar inspiração, traças planos, definir metas, objetivos e realizar sonhos. Os sonhos são realizados com perseverança, com luta e com fé. A inspiração nasce de exemplos de histórias de sucesso, e a história da bala de coco é uma delas.

Semana passada pude acompanhar de perto a produção das balas e fiquei muito feliz, são muitas balas, muitas mesmo… Acompanhei o passo a passo e olhando a mesa cheia não pude deixar de me lembrar das primeiras balinhas desajeitadas.

Muitas vezes nós temos um sonho de uma vida melhor, mas ele só se realiza com perseverança, com busca, com vontade de lutar. Nenhuma história de sucesso acontece de um dia para outro. Eu vi as primeiras balas, mas vi também as mãos vermelhas, quase assadas de tanto puxar a massa. Hoje as mãos continuam vermelhas, quase assadas, com certeza os braços doem, mas com tudo isso vem a vida melhor. Tanta gente tem sonhos, mas não quer lutar para realiza-los… Tanta gente poderia fazer uma coisa diferente, tanta gente sabe fazer alguma coisa especial ou pode aprender algo mais na vida, mas acaba perdendo seu tempo olhando o que o outro conquistou sem enxergar o quanto isso foi suado.

Voltei pra casa naquele dia carregando balas de vários saborese me senti muito feliz por ter acompanhado essa história desde o começo. Fiquei muito feliz também por ver que a bela moça loira produz as balas em família, maridão assistente, filhos ajudando e corações gratos. A gratidão deixa tudo melhor, deixa a vida mais leve, deixa as bênçãos entrarem e com certeza deixa as balas de coco da “Doçuras da Elaine” ficarem super macias e super saborosas.

Um grande abraço para a Elaine Capobianco, seu esposo Cássio e sua linda família. Obrigada pela acolhida!

Desejo a vocês queridos leitores um Natal de bênçãos e que 2019 seja repleto de sonhos realizados. Que todos nós possamos nos inspirar em histórias de vida, de lutas e vitórias e que a perseverança e a fé estejam sempre em nossos corações.