Pelo fim do preconceito! A luta é de todos nós


Publicado em 23 de março de 2018

A celebração do Dia Internacional Contra a Discriminação Racial, no dia 21 de março, veio a calhar em um momento em que o Brasil debate a morte da vereadora carioca e ativista negra que defendia as causas das mulheres, negros e LGBT, Marielle Franco, assassinada na última semana.

A morte da vereadora levanta o debate em torno do preconceito racial existente, ainda que de maneira velada, no Brasil e no mundo.

Muitas foram as manifestações de apoio e revolta contra os assassinos de Marielle. Sob gritos de “Marielle, presente!”, o Brasil se mobilizou com a causa desta mulher que dedicou a vida em defesa das minorias, mas vale lembrar que esta deve ser uma luta de cada um de nós.

Esta semana o “Fala Povo” traz depoimentos de pessoas que foram vítimas de preconceito em algum momento de suas vidas.

Pessoas discriminadas por sua cor, raça ou cultura contam suas experiências mostrando a luta de quem convive com o preconceito todos os dias aqui, tão perto de nós, para mostrar que as vítimas da discriminação racial e de todo tipo de preconceito estão em todo canto e que para mudar essa triste realidade, é preciso que haja conscientização pessoal de que não há diferença entre os seres humanos.

Somos todos iguais e todos merecem respeito!