População se mobiliza e vai à Câmara cobrar melhorias na segurança pública


Publicado em 6 de outubro de 2017

As última sessões da Câmara Municipal foram marcadas por manifestações de munícipes que fizeram uso da tribuna para reivindicar melhorias na segurança do município. No dia 18 de setembro um adolescente de 17 anos questionou a falta de patrulhamento nas saídas das escolas. Já esta semana foi a vez de um grupo de moradores de quatro bairros manifestarem suas reclamações sobre o número de furtos à residências na cidade.

Luiz Gustavo de Jesus da Silva, 17, disse em seu pronunciamento na sessão de segunda-feira (18) que amigos seus já foram assaltados nas proximidades da Escola Estadual João Ometto, onde ele estuda no período noturno e, pediu a presença da Guarda Municipal nas portas das escolas.

“Os alunos saem tarde da noite e estão expostos a criminalidade. Antigamente tínhamos a patrulha da Guarda em frente as escolas, mas há um bom tempo não temos mais. É algo preocupante que nos deixa com medo de sair, pois sabemos que podemos ser alvo de assaltantes. Eu espero que medidas sejam tomadas para que a população sinta-se mais segura ao andar na cidade “, disse o adolescente.

Na sessão da última segunda-feira (2) cerca de 20 moradores dos bairros Bela Vista, Santa Rita, Boa Vista e Jardim Alvorada que já tiveram suas casas furtadas cobraram das autoridades providências para diminuir os furtos à residências recorrentes no município. Sem citar números oficiais eles disseram que nas últimas duas semanas 15 residências foram furtadas nestes bairros.

“As reivindicações são por um maior patrulhamento nos bairros, uma abordagem de suspeitos e veículos com mais efetividade e um atendimento mais rápido por parte dos poderes de segurança, pois pagamos os nossos impostos e acreditamos que toda população tem o direito de ter um lar digno e seguro”, explicou um morador do Boa Vista, que preferiu não se identificar.

SOLUÇÕES

A Câmara Municipal informou que uma reunião para tratar da segurança no município será realizada no próximo dia 9, quando representantes das forças policiais e da secretaria de segurança tratarão do assunto.

Em nota a Prefeitura informou por meio de sua assessoria que tem feito um trabalho de reforço da segurança pública, por meio da Guarda Civil Municipal, junto com as Polícias Militar e Civil.

“Recentemente, o município recebeu nova viatura para contribuir com os trabalhos da Polícia Militar, um investimento em segurança da Prefeitura e do Governo do Estado. É preciso destacar que desde abril o município conta com um delegado titular de Polícia Civil, o Dr. Daniel Pinho das Torres. O profissional chegou ao município para suprir uma carência de anos sem delegado titular. Além de contribuir com a Polícia Militar, órgão do Governo do Estado, tem feito contato frequente com a Polícia Rodoviária a fim de ampliar a segurança na Avenida Pedro Cosenza e na Rodovia SP-151. A preocupação está em coibir abuso de velocidade, direção perigosa, uso de álcool ao volante e falta de cinto de segurança, entre outras ações”, diz a nota.