Projeto de concessão para Sabesp é reprovado na Câmara


Publicado em 20 de abril de 2018

A Câmara de Vereadores votou na semana passada o projeto de concessão dos serviços de água e esgoto para a Companhia de Saneamento Básico do Estado, a Sabesp. O projeto foi reprovado por seis votos a cinco.

A proposta visava conceder os serviços para a empresa, que assumiria o planejamento, os investimentos e a manutenção. Seria firmado um contrato de 30 anos entre a empresa e a Prefeitura, que não deixaria de ser dona mas permitiria que a empresa gerenciasse o setor, funcionando como um arrendamento.

Uma audiência pública foi realizada para informar a população sobre a proposta.

O vereador Clécimo Lopes (PSB) disse que o principal motivo para o resultado da votação foi o fato de o assunto não ter sido mais divulgado entre os munícipes. “O Executivo precisaria primeiro convencer a população pois quem pagará depois é o povo. A Sabesp pode oferecer um bom serviço, mas eram necessárias mais audiências e diálogo com os munícipes. Uma única audiência pública não foi suficiente para manter o povo informado sobre o assunto”, disse.

Após longa discussão a proposta foi reprovada. Foram seis votos contrários e cinco a favor.

A respeito da posição da Câmara, a Prefeitura informou que, por ora, não irá emitir posicionamento oficial.