Prefeitura reduz custos com telefonia móvel pelo segundo ano consecutivo

Gasto público com celular de funcionários é reduzido em mais de R$ 40 mil


Publicado em 11 de janeiro de 2019

a-tabela-economia-celular

O gasto da Prefeitura com telefone celular vem caindo de forma considerável nos dois últimos anos. De janeiro a dezembro de 2018, foram gastos R$ 67.075,64 com contas de telefonia móvel. No mesmo período em 2016, eram gastos R$ 110.727,60.

A economia feita em 2018, em relação a 2016, é de R$ 43.651,96 – ou 40%.

O resultado é fruto da melhora do uso do celular por parte de coordenadores, diretores, chefes e outros funcionários que utilizam o aparelho.

“O prefeito Fábio Zuza orienta que o telefone seja utilizado de forma equilibrada. Economizar com telefonia é parte das ações de uma gestão atenta ao uso eficiente do dinheiro público”, disse, em nota, o departamento de Contabilidade.

A Prefeitura reduziu o número de aparelho cedido a funcionários e reviu o pacote de serviços, contratando operações mais baratas.