A Bíblia e a Política – Parte III Governo pessoal III


Publicado em 27 de julho de 2018

“E não se conforme com este mundo, mas seja transformado na sua maneira de pensar, para que possa experimentar a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus” Romanos 12:2.

Toda política do nosso comportamento tem início na consciência, que desce ao coração e reflete em nosso modo de viver, “eu penso, eu sinto e eu faço”. Nosso coração reconhece Jesus como salvador, mas nossa mente precisa de transformação constante e diária para que os nossos pensamentos sejam os pensamentos de Cristo como Senhor e dono de nossa vida.

Durante muitos anos em nossas vidas fomos “administrados” com padrões seculares, mundanos e malignos. Por exemplo, secular: homem que é homem não chora, mundano: o que é bonito é para ser mostrado (corpo bonito) e maligno: o diabo não é tão ruim assim e o inferno não existe. Frases como estas e muitas outras foram “implantadas” em nossa mente ao ponto de formar um padrão de como governar a nossa vida, aí quando vem a Palavra de Deus, gera muitas dúvidas e questionamentos, pois vai de encontro com o que aprendemos desde a infância.

A mídia nos induz a sermos iguais aos famosos e bem sucedidos que eles apresentam, nos fazendo acreditar que só seremos felizes e realizados se seguirmos aquele padrão, mas isso só nos leva a deixarmos de ter vida própria, não conseguindo assim governar nossas vidas segundo os planos de Deus.

“Porque todos os que são guiados pelo Espírito de Deus esses são filhos de Deus” Romanos 8:14.

Responda para Deus e para você mesmo: quem governa sua vida? Deus, você, o diabo ou o mundo? Sua maneira de viver diz o que?

Paz de Cristo!